Os trabalhadores temem que a Unimed Paulistana não consiga pagar os compromissos com os empregados

Funcionários da Unimed Paulistana se reuniram em frente ao escritório da ANS Nesta terça-feira (29), na capital paulista, para protestar contra a falta de informações sobre o pagamento de salários e outros direitos, depois do fechamento da carteira de planos de saúde.
Os trabalhadores temem que, com a alienação da carteira da operadora, determinada pela Agência Nacional de Saúde Suplementar, a Unimed Paulistana não consiga pagar os compromissos com os empregados.
 
 Ao todo, a operadora passou por quatro regimes de direção fiscal e dois regimes de direção técnica, com acompanhamento dos procedimentos assistenciais e administrativos.
 
Apesar das ações, no balanço de 2014, a operadora apresentou prejuízo de R$ 275 milhões e patrimônio líquido negativo de 169 milhões. Em abril deste ano, a nova diretoria contratou duas consultorias, e apresentou um plano de recuperação.
 
A Unimed Paulistana diz que a Agência Nacional de Saúde determinou a alienação da carteira de beneficiários antes que as propostas pudessem ser postas em prática.
 
Fonte da noticia: economia ig
 
#planosdesaude #planosmedicos #conveniosmedicos #saudeokplanosmedicos #planodesaude #plano medico